UMDicas_NG_PRemiosMeritoDesportivo2020 (61)
Desporto, 06.01.2021 às 15:32
17 estudantes da UMinho receberam o Prémio de Mérito Desportivo
Os 17 estudantes/atletas foram galardoados pela conjugação da excelência desportiva com o mérito académico em 2019/2020, nesta que foi a 11.ª edição do evento.

A cerimónia de entrega dos Prémios de Mérito Desportivo decorreu no passado dia 21 de dezembro, no Auditório Nobre do Campus de Azurém, em Guimarães, e contou com a presença do Reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, do Administrador dos Serviços de Acção Social, António Paisana, do Presidente da Associação Académica, Rui Oliveira, e do Chefe de Missão de Portugal aos Jogos Olímpicos de Tóquio, Marco Alves.

Os premiados resultaram de seis modalidades que realizaram as suas competições antes do confinamento de março, que paralisou não só a competição universitária, mas todo o país. Apesar disso, e como salientou o Reitor Rui Vieira de Castro “a pandemia não parou o desporto na Universidade do Minho”, realçando o facto de a oferta desportiva ter passado a ser disponibilizada online. Assinalando a cerimónia como de “reconhecimento e valorização” dos estudantes/atletas, afirmou que “aquilo que fazem é motivo de grande orgulho para a Universidade”.

O Administrador dos Serviços de Acção Social, destacou os “níveis elevados de compromissos pessoais” a que estes estudantes/atletas estão sujeitos para cumprirem os requisitos de atribuição destes prémios, afirmando o “reconhecimento” da Universidade pelos seus êxitos. António Paisana realçou ainda a importância do papel do desporto na formação dos estudantes e também na atenuação dos impactos da pandemia, dizendo que 2020 foi um ano “atípico e muito ingrato” no ao desporto diz respeito, mas que na UMinho este “não parou, reinventou-se a oferta dos serviços prestados” em moldes digitais.

Também o presidente da Associação Académica evidenciou o papel da Universidade na promoção da prática desportiva, afirmando que “as entidades desportivas da UMinho estão a percorrer o caminho acertado na melhoria das condições da prática desportiva”, sublinhando ainda que “não podemos descurar o desporto como ferramenta privilegiada de combate aos problemas do sedentarismo, solidão e à saúde mental fortemente debilitada, bem como complemento fulcral de uma educação completa e de qualidade”, disse.

O Chefe de Missão de Portugal aos Jogos Olímpicos, agradeceu o que a Universidade do Minho tem feito pelo desporto: “Obrigada à UMinho pelo papel importante e de referência a nível nacional que tem nas matérias relacionadas com o desporto em contexto académico”. Marco Alves desejou ainda que 2021 traga tudo aquilo que ficou a dever 2020.

Os Prémios de Mérito Desportivo premeiam as carreiras duais, tendo estes estudantes/atletas recebido um montante que variou entre o valor integral da propina para os estudantes que conquistaram medalhas de ouro em competições internacionais universitárias, e 12,5% do valor integral da propina, no caso dos estudantes que se sagraram campeões nacionais universitários em modalidades coletivas ou provas por estafetas.

As modalidades desportivas das quais participam foram o atletismo, basquetebol 3x3, judo, kickboxing e natação. Receberam o prémio Diogo Rosário, Mariana Machado, João Lopes, André Gomes, Josimar Cassamá, Rafael Viana, Ricardo Viana, Mariana Almeida, Rita Novais, Ana Sofia Oliveira, Pedro Sousa, Catarina Silva, Lara Vaz, Madalena Silva, Juliana Freixo, Rafael Simões e Murillo Montilha. 

Texto: Clarissa Freire/Redação

Fotos: Nuno Gonçalves

Arquivo de 2021