Momentmum
Cultura, 01.04.2019 às 14:33
VI Momentmum: Phartuna faz um poker em noite de fados!
Numa noite em que as tunas celebraram o Fado e o seu legado, a Phartuna – Tuna de Farmácia de Coimbra, foi a grande vencedora desta sexta edição do Momentmum – Festival de Tunas da Tuna de Medicina da Universidade do Minho. Os futuros farmacêuticos levaram para Coimbra quatro dos mais importantes prémios a concurso.

Se de dia se celebrou o mundo da agricultura no Fórum Braga, com a 52º edição da Agro, à noite celebrou-se o Fado... e a Canção de Lisboa, essa obra prima do cinema português.

A dar o mote para uma grande noite, o festival arrancou com a inspirada participação da fadista Isa de Castro. Entre sorrisos e a interpretação de clássicos como o “Nem às paredes confesso” de Amália Rodrigues, a fadista “agarrou” o público que fez questão de a ovacionar a cada interpretação.

Seguiram-se então as atuações das quatro tunas a concurso: Phartuna – Tuna de Farmácia de Coimbra, ForTuna - Tuna Académica da Nova SBE, a SemperT'unos - Tuna Mista Académica ESS-IPS e Educatuna - Tuna Mista Da Escola Superior De Educação De Paula Frassinetti.

Entre cada atuação, necessário houve ainda tempo para viajar até ao imaginário do filme “A Canção de Lisboa”, com os membros da TMUM a recriarem algumas das cenas mais divertias do filme, de forma a preencher o tempo entre a passagem de testemunho das tunas.

No final, a Phartuna foi a grande vencedora da noite, arrebatando os prémios de Melhor Tuna, Tuna Mais Público, Melhor Estandarte e Melhor Solista. A Fortuna haveria de conquista os prémios de Melhor Instrumental, Tuna mais Tema, Melhor Original. A Semper T’unos conquistou os prémios de Melhor Pandeireta e Rally Rick Universal. A terminar, a Educatuna levou para casa os prémios de Tuna Mais Tuna e o de Melhor Passacalles

“Nesta 6ª edição do Momentmum apostámos no tema Fado e sentimos que foi um tema bem acolhido pelo público. Contamos com quatro tunas mistas de diferentes pontos do país e ainda a fadista Isa de Castro como convidada especial”, comentou ao UMdicas, Duarte Baptista, magister da TMUM

A concluir, Duarte deixou expresso o desejo para as próximas edições:

“Que mais público se junte a nós para um fim-de-semana de muitas emoções!”

Texto e Fotografia: Nuno Gonçalves

Arquivo de 2019