UMdicas_NG_30AnosCoro (157)
Cultura, 14.02.2019 às 16:48
Casa cheia para celebrar os 30 anos do Coro!
O Coro Académico da Universidade do Minho (CAUM), celebrou no passado dia 9 de fevereiro o seu trigésimo aniversário. A festa que juntou no palco do Theatro Circo (com lotação quase esgotada) diversos grupos culturais da academia minhota e dois coros internacionais (Itália e Roménia), teve ainda um convidado muito especial: Kaku Alves, o guitarrista de Cesária Évora.

“São 30 anos de muitos momentos, histórias para contar, música e relações. 30 anos de um coro que é uma família”, palavras de Joana Pereira, presidente do CAUM, que retratam o espírito de quem faz parte do Coro.

Foi este sentimento de pertença, de família, que levou centenas de pessoas ao Theatro Circo, para celebrarem em uníssono, não só a música, o espetáculo, mas também a emoção do caminho percorrido.

Já em palco, a cantar e encantar, o CAUM deu as boas-vindas ao primeiro convidado da noite: o Grupo Polifónico Cláudio Monteverdi. Após este primeiro dueto, seguiram-se outros com a Gatuna, Voces Famele Choir (Roménia), Tuna Universitária do Minho e Azeituna.
Para encerrar com “chave de ouro”, o Coro chamou a palco, Kaku Alves, o guitarrista de Cesária Évora, com quem o CAUM construi uma relação de amizade aquando da sua viagem a Cabo Verde.

“O espetáculo superou as expectativas. Conseguimos encher uma das mais emblemáticas salas de espetáculos do país e isso deixa-nos muito felizes.” Joana Pereira refere ainda que o ambiente entre os coristas “foi especial” e que houve aquele sentimento de missão cumprida… “foi um sucesso”, afirmou.

Até ao final do ano, e englobados na comemoração do trigésimo aniversário, a cidade dos arcebispos vai ser palco de mais três grandes espetáculos: o Encontro de Coros Universitários (13 de abril, na Reitoria), o Vozes Sobre a Cidade (6 de julho, no Bom Jesus) e o Puer Natus Est (dezembro, na Sé de Braga). Este último, marcará o encerramento das comemorações.


Texto e Fotografia: Nuno Gonçalves

Arquivo de 2019