QEI_9400
Cultura, 02.10.2018 às 10:06
Igreja dos Terceiros encheu para o concerto «Quem canta seus males espanta» dedicado às polifonias minhotas
A Igreja dos Terceiros foi o palco escolhido pelo Grupo Folclórico da Universidade do Minho para a primeira edição do concerto “Quem canta seus males espanta” realizado no passado sábado onde se ouviram as vozes que cantaram as polifonias do Minho. Este concerto integra o conjunto de 25 momentos de comemoração do 25º aniversário do GFUM.

Integrado no programa do evento recriARCUM, num dia dedicado aos grupos culturais da Associação Recreativa e Cultural Universitária do Minho, este concerto visou a promoção e divulgação do canto polifónico à capella, reunindo vários grupos com este interesse patrimonial, aproveitando o mote das Jornadas Europeias de Património 2018, cujo tema foi o de "Partilhar memórias". 

Desta forma, o concerto contou com as vozes Grupo Folclórico da Universidade do Minho, Grupo Etnográfico Rusga de Joane, de Vila Nova de Famalicão, Cantadeiras do Vale do Neiva, de Viana do Castelo e foi encerrado por um coro de comunidade evidenciando a polifonia da região, reunindo vozes de diferentes grupos, meios e realidades entre cantadores e cantadeiras.

A plateia permaneceu deliciada até ao fim, cantando e acompanhando os diversos grupos despertando na sua memória cantigas do passado, ficando a vontade para a repetição deste concerto noutras alturas do ano. Assim, começam a reunir-se condições para falar sobre uma candidatura do canto polifónico a nível nacional ao Património imaterial da UNESCO havendo público e apoiantes para a mesma candidatura.

Estes 25 momentos de celebração, continuam no mês de outubro com a realização do XX FUMP - Festival Universitário de Música Popular agendado para os dias 12, 13 e 14 de outubro. Estas comemoração contam com vários apoios como o da Universidade do Minho, Município de Braga, IPDJ, Associação Académica da Universidade do Minho e ainda o patrocinador oficial, Braga Parque, além de outras empresas que se associaram.

Fonte: GFUM

Fotografia: Queirós Fotógrafo

Arquivo de 2018