festival2018marias570
Cultura, 15.03.2018
Gatuna conquista prémio de melhor Estandarte em Almada
Lisboa
No passado fim de semana decorreu, em Lisboa, o Festival Marias 2018, no qual a Gatuna - Tuna Feminina Universitária do Minho conquistou o prémio de melhor porta estandarte.

O Festival, organizado pela Tuna Maria - Tuna Feminina da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa -, decorreu nos dias 9 e 10 de março e contou com a participação de mais três tunas a concurso: A FEMININA - Tuna Feminina da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa , C'a Tuna aos Saltos - Tuna Médica Feminina da UBI  e inSpiritus Tuna - Tuna Feminina da Cooperativa Egas Moniz .

O Festival teve início pelas 21h30 de sexta-feira, no restaurante Clube Recreativo União e Capricho, junto ao Largo da Igreja do Monte de Caparica, numa noite de serenatas onde nem o temporal "Félix"conseguiu retirar um belo momento à cidade de Almada.

Na segunda noite a Gatuna foi a quarta tuna a concurso a subir a palco, abrindo a atuação com o seu instrumental "Maxixando". Seguiu-se a música de solista "Cavaleiro andante", "Saudade do fado" um original da autoria da Gatuna e "Color Esperanza". A música de pandeiretas foi a "Braguesa", mais um original que fala sobre a bela cidade de Braga e que encerrou a atuação.

"Participar em festivais é parte daquilo que é fazer parte de uma tuna, e ser reconhecido o nosso trabalho, é sem dúvida a sensação de missão cumprida. Trazemos para a Universidade do Minho mais um prémio e a emoção de um fim de semana passado em ótima companhia. Parabéns à Tuna Maria pelo festival de excelência", comentou ao UMDicas, Marina Mendes, membro da direção da Gatuna.


Texto e Fotografia: Gatuna


(Pub. Mar/2018)

Arquivo de 2018