default-header-news
Cultura, De 13.10.2016 a 15.10.2016
Festival de Outono da UMinho mostra a cultura em Braga e Guimarães
Braga e Guimarães
O Conselho Cultural da Universidade do Minho apresenta de 13 a 15 de outubro a sétima edição do Festival de Outono, que inclui mais de uma vintena de atividades, desde música, teatro, literatura, poesia e visitas guiadas. Esta iniciativa pretende mostrar a dinâmica cultural em Braga e Guimarães, em especial aos novos estudantes da academia.

O concerto de abertura é na quinta-feira, às 21h30, com a Orquestra da UMinho, no Paço dos Duques de Bragança, em Guimarães. Mais cedo, às 11h00, há o teatro de sombras "E assim nasceu Guimarães", no Museu Alberto Sampaio, e uma conversa temática reúne às 17h00, no Instituto de Design, Ângelo Martingo, do Departamento de Música da UMinho, Rodrigo Teodoro, do Encontro Ibero-americano de Jovens Musicólogos, e Paulo Pinto, da Câmara de Guimarães.

Já em Braga, a Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva acolhe às 18h30 a palestra "A Literatura e a Leitura do Mundo", com os escritores João Pedro Mésseder e Delmer Gonçalves, além de Carlos Pazos, da UMinho, e Renato Epifânio, da Universidade de Lisboa. Às 21h30, há um concerto de jazz do quarteto Iago Fernández no Museu Nogueira da Silva (MNS), que se repete no dia seguinte, à mesma hora, na Casa Museu de Monção. 

Na sexta-feira, a Orquestra da UMinho apresenta-se à cidade e ao seu público com música latino-americana. Esta atuação, integrada na Capital Ibero-Americana da Juventude 2016, decorre às 21h30 no Braga Parque. A Reitoria da academia minhota acolhe, em simultâneo, os concertos de Aziza Brahim -ativista que viveu num campo de refugiados e é uma das compositoras mais influentes do Sahara Ocidental -,além doguitarrista sul-africano Derek Gripper e do luso-angolano Batida, que mistura kuduro e semba. Os interessados poderão ouvir de tardeAziza Brahime Batida falar do poder da música na sociedade contemporânea. Ou participar no Colóquio Internacional Maria Ondina Braga, no MNS.

No sábado há oficinas de música afroperuana, poesia e leitura encenada sobre multiculturalidade, um espetáculo de percussão inédito, uma atuação da Orquestra da Câmara Arte Sinfónica e uma palestra sobre as raízes e o futuro da música portuguesa. O sírio Omar Souleyman sobe também ao palco do salão medieval da Reitoria, às 21h30. Seguem-se os espetáculos do projeto afro-peruano Crocodilo Criollo e do grupo Fandango.

O programa inclui ainda visitas guiadas a espaços culturais de Braga e Guimarães, incluindo o MNS, a Biblioteca Pública e o Arquivo Distrital de Braga, as Termas do Alto da Cividade, o Museu dos Biscainhos, o Museu D. Diogo de Sousa, a Escola Velha da Sé, a Fonte do Ídolo, a Torre de Santiago, o Museu Arqueológico da Sociedade Martins Sarmento, o Paço dos Duques e o Museu Alberto Sampaio. As inscrições podem ser feitas em ccultural@reitoria.uminho.pt .

Conciliar o património cultural com a criação contemporânea

O Festival de Outono concilia aspetos do património cultural e artístico que a UMinho detém ou zela, ligando-o com a história das duas cidades onde está sediada e à criação contemporânea.Para a presidente do Conselho Cultural da UMinho, Eduarda Keating, esta sétima edição revela o crescimento e a maturidade do festival, sendo mais diversificado nas propostas, nos horários, nas temáticas e nas parcerias, como a Associação Académica da UMinho e a Rádio Universitária do Minho. Há mais informações emwww.conselhocultural.uminho.pt e www.facebook.com/uminhooficial .

__________________________________________
Gabinete de Comunicação, Informação e Imagem
Universidade do Minho
Tel.: (+351) 253601109 /25 /28 | 961766329
Fax: (+351) 253601105
Email: gcii@reitoria.uminho.pt

Arquivo de 2016