default-header-news
Cultura, 11.07.2013
Biblioteca Pública de Braga homenageia Óscar Lopes
UMinho
A Biblioteca Pública de Braga organiza até final de agosto a exposição bibliográfica "Óscar Lopes (1917-2013)", dedicada ao ensaísta e professor universitário recentemente falecido. A mostra inclui dezenas de livros e artigos seus, como "A História da Literatura Portuguesa" e "Gramática Simbólica do Português", além de referências em enciclopédias, reportagens na imprensa e obras em seu tributo, nomeadamente "Sentido Que a Vida Faz", de 910 páginas.


Está patente ao público no átrio desta unidade cultural da Universidade do Minho, sita na Praça do Município, todos os dias úteis, das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30. A entrada é livre.

Óscar Lopes licenciou-se em Filologia Clássica na Universidade de Lisboa, em Ciências Histórico-Filosóficas na Universidade de Coimbra e obteve diplomas superiores no Instituto Britânico e no Conservatório de Música do Porto. Foi vice-reitor, professor catedrático e diretor da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Antifascista, foi detido pela polícia política e fez parte do comité central do PCP. Cofundou a Universidade Popular do Porto e a Associação Portuguesa de Escritores, da qual foi presidente.

Teve uma colaboração intensa com jornais e revistas, como "Seara Nova", "Vértice", "Mundo Literário", "Colóquio/Letras", "Camões" e "O Comércio do Porto". Foi condecorado com a Grã-Cruz da Ordem da Instrução Pública, a Grã-Cruz da Ordem da Liberdade e venceu os prémios literários Jacinto do Prado Coelho, PEN Clube, Vida Literária, Rodrigues Sampaio e Vergílio Ferreira.Teve ainda um voto de louvor da Assembleia da República, o doutoramento honoris causa pela Universidade de Lisboa e o seu nome foi dado a uma escola de Matosinhos.

"Óscar Lopes cedo se afirmou como um crítico exigente e um ensaísta versátil e rigoroso, tratando ora a história, ora a literatura, ora a linguística, ora a filosofia, sempre de forma a creditar-se como um dos maiores ensaístas portugueses contemporâneos, tendo um importante papel no estudo e na problematização do neorrealismo português", define o "Dicionário Cronológico de Autores Portugueses".

__________________________________________

Gabinete de Comunicação, Informação e Imagem

Universidade do Minho

Tel.: (+351) 253601109 /28 | 961766329

Fax: (+351) 253601105

E-mail: gcii@reitoria.uminho.pt

(Pub. Jul/2013)

Arquivo de 2013