umd-ng-ana-moura--12-
Cultura, 18.12.2010
Fado nos 33 anos da AAUMinho
UMinho
No dia em que a Associação Académica da Universidade do Minho (AAUMinho) celebrou o seu trigésimo terceiro aniversário, o Salão Nobre da Reitoria foi pequeno para acolher tanta gente que quis ouvir uma das vozes mais talentosas da nova geração de fadista portugueses: Ana Moura.



Foi há trinta e três anos atrás que Jaime Reis foi eleito para primeiro presidente da AAUMinho, corria então o ano de 1975. A Universidade do Minho tinha sido fundada dois anos antes e era denominada como uma das "Novas Universidades".

Hoje, 19 presidentes depois, Luis Rodrigues é o rosto que lidera os estudantes minhotos numa nova era do ensino superior marcada pelo Processo de Bolonha e pelos constantes cortes orçamentais.

Na celebração desta data especial, a actual direcção organizou um jantar com alguns convidados especiais, entre os quais se encontrava o Reitor António Cunha e alguns dos membros da sua equipa reitoral.



Após o tradicional cantar dos parabéns, soprar das velas e corte do bolo, a festa teve o seu momento alto no Salão Nobre da Reitoria. Perante uma plateia que se viria a revelar verdadeiramente conhecedora do seu repertório, a fadista Ana Moura deu um memorável concerto.

Interpretando alguns dos temas mais conhecidos do seu ultimo álbum,  a fadista foi sendo brindada musica após musica com os efusivos aplausos de publico que queria sempre mais e mais.

Temas como "Leva-me aos fados" ou "No expectations", este último que é dos Rolling Stones, a mitica banda de rock com quem Ana Moura já teve a honra de partilhar o palco, foram a "cereja no topo do bolo".



Foi assim, e após mais de uma hora de fado, que a AAUMinho encerrou em beleza a comemoração de trinta e três anos de associativismo, defesa dos interesses dos estudantes e de um melhor ensino superior em Portugal.

Texto e Fotografia: Nuno Gonçalves



(Pub. Dez/2010)

Arquivo de 2010